23 de Julho de 2014

If Botticelli were alive today he'd be working for Vogue

Vintage shirt, Skirt from Bershka, Shoes from Lovely Shoes

Em poucas fotografias resumi os meus sonhos e as minhas inspirações. Os cabelos encaracolados, o batom vermelho e o ambiente revelam bastante e o quadro da Marilyn é explícito. Um pouco do que me passa pela cabeça que muitas vezes vê a preto e branco, e um pouco do meu coração cujas artérias desenham a palavra Vogue. Escrever é uma felicidade para mim, bem como fotografar, ser fotografada, criar personagens. Este blogue deixa-me tão feliz por poder concretizar tudo isto e por ter leitoras como vocês a acompanharem-me fielmente, dando-me um gosto infinito e vontade de nunca parar. Por vezes é importante relembrar isto, e aproveitei a minha essência revelada para o fazer. 

Espero que tenham gostado, e obrigada por me acompanharem vez após vez de uma forma grandiosa! 
I said to my mother, 'When you see my name in 'Vogue,' I will have arrived.'

20 de Julho de 2014

walking through the streets at dawn, we dance by empty carousels

Shirt from Romwe, Skirt from Bershka, Bag from Primark, Shoes from Lovely Shoes

Fiz do Chiado, Paris. Não desvalorizando claramente o que o Chiado é (um dos meus sítios preferidos) mas a culpa foi das riscas, que me fizeram exclamar Je t'aime imediatamente. E todos sabem que as famosas riscas estão associadas ao país do amor. Combinadas com rosa, dourado, preto e branco, não poderia ser mais adepta.
Algo muito simples mas misteriosamente a despertar a atenção é um dos meus lemas quando escolho o que vestir, e que se aplica totalmente neste look!
Indispensáveis são também as sandálias da Lovely Shoesque me proporcionam uns confortáveis centímetros!

O que acharam das fotografias, do meu pseudo Paris e do outfit?

18 de Julho de 2014

he loved guns and roses, guns and roses

Vintage dress; Necklace from Bracari

Apenas algumas fotografias que andavam perdidas há semanas no vácuo do universo, à espera de serem publicadas. Não poderia deixar de partilhar. Encontrei um vestido antigo e lembrei-me logo deste cenário, combinam na perfeição. Todo o ambiente rústico e cenário country só me dão vontade de cavalgar sem fim numa pradaria, tão rápido como um relâmpago mas a sentir tudo em câmara lenta, com os cabelos a arrastarem-se pelo ar e a desenharem traços momentâneos. Um bom cenário imaginário que espero concretizar um dia! 

O que acharam do vestido antigo (que roubei do armário da minha mãe shhh) e das fotografias?